Tudo que vai

Que a vida de todos nós é uma sucessão de idas e vindas, físicas e emocionais, não é novidade pra ninguém.
Que despedidas são ruins e difíceis de se lidar, todo mundo sabe.
Que decepção faz parte da vida e deve servir de lição, isso já é clichê.

Triste mesmo é quando o amor parte e a mágoa chega, a gente se despede do carinho, se decepciona com o outro e é obrigada a receber a indiferença como se recebe uma sogra das mais chatas: de braços abertos, fazer sala, servir café e, ainda por cima, lá no fundo da alma, ter a certeza de que ela chegou na hora certa. Infelizmente.

Pode não fazer sentido pra você, mas eu tô pouco me fudendo pra isso hoje. Muito grata.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Conto adolescente

Feios e Belos

Revoltada, sim. E com razão.