É cada uma que me aparece...

Resolvi olhar o e-mail da Casa: uma amiga, que não é dada a comentar, me mandou um e-mail me dando um verdadeiro esporro (sorry pelo palavreado, mas carioca fala assim mesmo) porque eu estava "apaixonada e nem tinha contado nada a ela", por conta do post mais cedo. Deixa titia explicar uma coisa, crianças: falar de amor não é, necessariamente, estar amando...

Aliás, eu estou amando, sim: ele tem 24 aninhos (está completando hoje), é alto, corpinho na medida, russinho... e se chama Éder, é meio-de-rede da Seleção Brasileira de Novos de Voleibol. Hmmm, coisinha linda de titia.

Assim sendo, babies, me deixem aqui apaixonando-me pelo mundo todo e divagando sobre o amor e qualquer outra coisa que me dê na telha, viu? Titia tá ótima, brigadinha!

Comentários

digs disse…
Pois é, concordo redondamente contigo! Só pq eu digo q estou não quer dizer q estou, certo?
digs disse…
Ou... não fui eu, foi meu eu lírico!
1worklover disse…
Digs, vc ainda está bêbado, kkk

E não sei de onde as pessoas tiram q ser lírico, de vez em qdo, significa estar apaixonado. Quem dera fôssemos assim sempre, espontaneamente...
Aline disse…
Agreed, guys... totally.

Beijocas.

Postagens mais visitadas deste blog

Conto adolescente

Feios e Belos

Revoltada, sim. E com razão.