A vida como ela está

Trabalho, saudade, felicidade. É por aí.

Vou ver pai e mãe, irmão e cunhada, vô e vó. A saudade deles, ao menos, vou matar um pouco. Tem mais saudade pra matar, mas essa tem data certa - faltam só seis dias.

Afora o básico, é a vida de todo mundo: mensalão, CPI, seleção cambaleante e a sensação de que o fundo do buraco se aproxima, nacionalmente falando.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Conto adolescente

Feios e Belos

Revoltada, sim. E com razão.