Água mole em pedra dura...

Vocês sabem que eu acredito na bondade, na caridade - nos melhores sentidos, não tou aqui falando de dó, não. Vocês sabem que eu procuro sempre fazer o melhor pra todos. Vocês sabem o quanto já me fudi por causa disso, mas que eu insisto, porque acredito.

Então, esse post é só pra dizer que eu continuo me fudendo. De verde e amarelo, no clima olímpico. Porque não basta você tentar fazer alguma coisa de boa por alguém (ns), você tem MESMO é que levar na tarraqueta, né? Assim, fazer um sacrifício e, como agradecimento ao que você tem feito, uma bela, grossa, cheia de areia e gigante pica no seu rabicó. Ora, você é boa - o que grande parte da humanidade confunde e/ou toma por otária - então não vai se importar com esse agradecimento especial, né? E, olha, nem um obrigado eu queria, não. Bastava paz e alegria, na medida, sem ser nada LSD-like. Fico feliz em ver quem estimo feliz, é uma característica minha. Boa ou ruim, não sei.

Aí, cedo ou tarde, você explode. Voluntária ou involuntariamente. E vira a vilã da novela mexicana, porque você passa a ser má e não prestar, na visão alheia. Porque você só colocou pra fora o que sente e o que pensa, e não eram flores nem coraçõeszinhos voando, e isso é o suficiente pra você ser péssima, a partir de então. Você não vale nada, a partir de agora, e acostume-se com a idéia.

Que seja.

Comentários

Fiquei curioso e vim ler. Eu adoro mau humor. Infelizmente acho que ele é underrated. Tenho certeza que tu deve ter teus motivos pra estar assim, mas eu às vezes gosto de explodir sem motivo nenhum. Acho mau humor gratuito tão autêntico...

Beijinho (e não fica muito tempo mau humorada, pq daí perde a graça)

Sacamano
Lekkerding. disse…
Sem essa.
Não faz muito tempo e você queria me bater por estar assim.
Agora que eu levanto do baque, você quer cair?
Jamais.
é, como dizem, bonzinho só se fode. Por isso que não tenho dó nem piedade, fico sempre na minha.
Big beijo
*Lala*
Aline T.H. disse…
Saca, mau humor gratuito é ótimo, mas quando a gente paga por ele, é uma merda mesmo... E tá passando.

Lek, honey, thanks a lot. Eu envergo mas não quebro, não, pode deixar.

Lala, baby, I wish I could. Really...

Beijos, all.
Cafinha disse…
Eu nunca fui muito boazinha...semrpe fui mais surtada memso.. só teve um garoto que me fez ser boazinha, paciente, tive dó por ele ser do jeito que era (sem maiores comentários), tentei ajudar... dogamos que ocm ele eu aprendi que : "agua mole em pedra dura molha e cria lodo"...

e explodir é bom.. faz vc se sentir melhor consigo mesma...

bju
iara disse…
eu surto, eu perco a paciência. não gosto quando faço assim, mas foi o que deu naquele momento..
mas não sou boazinha, tento não sei, sempre te atropelam. mas tb não sou má, não gosto de explorar simplesmente pq não gosto de ser explorada. acho que o caminho melhora pra mim é o do meio, do justo. de saber o que fiz, porque fiz, se por mim ou e por outro, o que eu pretendia. não me apegar e deixar ir.
não derrama a bile.....

mas mau humoe passa. o meu é tpêmico total e tô nele!
bjão
Ingrith disse…
Eu tb sou a otária da família, qdo me revolto eu sou a grossa!
Ice Ice Baby disse…
olha o karma positivo..não esquece q quem te faz mal está apenas fazendo mal a si mesmo e não à vc...pq vc vai seguir adiante e eles terão aquela "reação" pra "ação" deles..


karma is a bitch chuchu!!!
Aline T.H. disse…
Cafinha, seja bem-vinda! Mas se fosse um garoto só, eu nem era má, era pérfida mesmo =oP Não sendo o caso...

Iara, se fosse um 'outro', era mole, como eu disse pra Cafinha. O 'pobrema' é esse mesmo! E explodir é bom sim, mas pode doer.

Ingrith, ou eu sou a grossa ou a louca. Tá bom, né?? rsrsrs

Ice chuchu de my life, eu sei disso. E é exatamente esse o problema, porque me faz mal por tabela, sabe? I care too much, that's the real bitch for me...

Beijos!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Conto adolescente

Feios e Belos

Revoltada, sim. E com razão.